Medicina preventiva para controle do estresse: saiba mais

Início » Medicina preventiva para controle do estresse: saiba mais

medicina preventiva e controle do estresse

O estresse é uma reação natural do organismo diante de situações que exigem mudanças de comportamento, tomada de decisões, adaptação em outros ambientes, resolução de problemas difíceis ou outros fatos impactantes. O estresse positivo mantém a mente alerta.

O problema é quando o estresse é excessivo, o que causa esgotamento físico e mental, prejudica a alimentação, o sono e as relações interpessoais. No ponto mais crítico, começam a surgir problemas de saúde como dores de cabeça, tensão muscular, taquicardia, pressão alta, gastrite, dermatites, infecções, entre outros. O que fazer para controlar o estresse ruim?

6 dicas da medicina preventiva e controle do estresse

  1. Alimentação saudável: Para controlar o estresse é importante manter a saúde do corpo com alimentação equilibrada. Um cardápio rico em carboidratos, gorduras, açúcar, sódio, embutidos, enlatados e refrigerantes prejudica a saúde. Mude a alimentação, aumentando as quantidades de legumes, frutas, verduras, grãos integrais, fibras e outros produtos naturais. Se você precisa fazer as refeições fora de casa, prepare comidas saudáveis ou frequente restaurantes com cardápio equilibrado. Elimine o tabaco, bebidas alcoólicas e o excesso de cafeína.
  2. Atividades físicas: Exercícios físicos regulares são aliados no controle do estresse. A prática de atividades físicas ajuda a reduzir o colesterol, regula a pressão arterial, melhora a capacidade cardiorrespiratória, fortalece a musculatura e a flexibilidade do corpo. Tudo isso tem um efeito muito positivo no controle do estresse. Ao se exercitar, você descarrega as tensões do corpo e da mente.
  3. Cultive amizades: Compartilhar a vida com amigos ajuda a reduzir a carga emocional e o nível de estresse. O acúmulo de sentimentos e emoções negativas é prejudicial à saúde. No convívio com amigos, você tem a oportunidade para abrir o coração e trocar experiências. Isto é muito importante para o bem estar psicológico e emocional. Ajuda a combater o estresse físico e emocional!
  4. Meditação e relaxamento: Exercícios de meditação e relaxamento são outros meios para controlar o estresse. Você pode fazer aulas de Yoga, tai chi ou outras terapias alternativas que ajudam a relaxar o corpo, a mente e contribuem para o autoconhecimento.  Dessa forma, é possível prevenir o estresse e ter qualidade de vida.
  5. Respire bem: Ao respirar corretamente, você melhora a oxigenação do sangue e, com isso, o metabolismo funciona com mais eficiência. Os exercícios de respiração realmente ajudam a controlar o estresse e relaxam a mente. A clareza de pensamentos é fundamental para a tomada de decisões.
  6.  Sono restaurador: Dormir bem é essencial para controlar o estresse. O sono é restaurador. O corpo e a mente precisam do sono profundo para manter o equilíbrio. Sem isso e em pouco tempo, você ficará sem energia e disposição para as tarefas rotineiras. Mau humor, irritabilidade, dificuldade para manter a concentração, baixa na criatividade, sonolência e cansaço são algumas das consequências das noites mal dormidas. Mude o estilo de vida e busque ajuda médica para tratar algum distúrbio do sono como a insônia, apneia, ronco, síndrome das pernas inquietas.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre o meu trabalho como dermatologista em São Paulo.

Postado por Dr. Daniel Stellin | CRM: 111.635

Dr. Daniel Stellin é um dermatologista graduado pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo e pós-graduado em Fisiologia Hormonal Aplicada. Detém os títulos de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialista em Infectologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual e Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.