Doenças crônicas – como prevenir e tratar

Início » Doenças crônicas – como prevenir e tratar

prevenir Doenças crônicas

Milhares de brasileiros sofrem com algum tipo de doença crônica, ou seja, de evolução prolongada, permanente e com baixas chances de cura. Segundo a Organização Mundial da Saúde, são doenças crônicas: as cardiovasculares; os cânceres; as doenças respiratórias; a diabetes; as doenças mentais e neurológicas; as ósseas e articulares; as genéticas e as auditivas. 

As que mais atingem os brasileiros são as doenças crônicas não transmissíveis, como: hipertensão, problemas de coluna, depressão e diabetes. Apesar de ser controlada, a doença crônica pode provocar algumas limitações na vida do indivíduo.

O que se pode fazer para prevenir as doenças crônicas?

Cerca de 60 % dessas doenças são causadas pelo ambiente e pelo estilo de vida,sendo assim  a grande maioria pode ser evitada.

Os fatores de risco que podem ocasionar o aparecimento das doenças crônicas estão relacionados com:

  •  Stress;
  • Tabagismo;
  • Obesidade;
  • Alimentação inadequada;
  • Sedentarismo;
  • Pressão arterial elevada;
  • Consumo excessivo de álcool.

A mudança de hábito é um grande aliado no controle e prevenção de doenças crônicas. Cuidar da saúde de maneira preventiva, antes de adoecer, é sem dúvidas o melhor remédio. O tratamento com medicina preventiva visa o equilíbrio do organismo e é baseado em algumas práticas, como: terapia ortomolecular, fisiologia hormonal e em práticas de nutrição adequadas. proporcionando melhorias da função do organismo,prevenindo a perda de motivação, obesidade e redução da libído. Tais sintomas são encarados como fatores comuns na nossa vida cotidiana, mas devem ser levados de maneira muito séria. Com a medicina preventiva consegue-se equilibrar o organismo do paciente,tornando-o mais adaptado e funcional ao ambiente que vivemos.

Compreendendo o problema

Para o controle, é fundamental entender a doença (seja ela qual for). Por isso, é importante buscar um profissional especialista. O médico especialista em medicina preventiva irá avaliar o indivíduo como um todo, além de tirar todas as suas dúvidas. Exames como: mapeamento sobre seu histórico familiar, avaliação física e laboratorial indicam a melhor forma de tratar da sua doença crônica.

Seguindo o tratamento

Após o diagnóstico da doença, não tenha medo. Siga as orientações do seu médico. O tratamento contra doenças crônicas não envolve apenas tomar medicamentos.  É importante que o paciente altere seu estilo de vida. Assim, sua saúde irá melhorar e, em diversos casos, será possível reverter o quadro.   e até abandonar ou reduzir drasticamente as medicações em uso 

Abaixo, algumas dicas para melhorar a qualidade de vida:

  • Faça uma dieta alimentar mais saudável: prefira frutas; leguminosas; verduras; saladas; carboidratos integrais de baixo índice glicêmico; cereais; carnes magras; peixes; aves; 
  • Evite: gorduras saturadas em excesso, açúcar, sal 
  • Faça atividades físicas regularmente;
  • Evite o consumo de álcool excessivo ;
  • Elimine o tabaco;
  • Evite o stress: uma vida mais leve ajuda a melhorar muito a qualidade de vida;

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como especialista em medicina preventiva em São Paulo.

Postado por Dr. Daniel Stellin | CRM: 111.635

Dr. Daniel Stellin é um dermatologista graduado pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo e pós-graduado em Fisiologia Hormonal Aplicada. Detém os títulos de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialista em Infectologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual e Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.