Quando ir ao Dermatologista?

Início » Quando ir ao Dermatologista?

Dermatologista utiliza lupa para analisar costas de paciente

A pele é o maior órgão do corpo e é também um dos mais importantes. Afinal de contas, é ela que nos protege das principais agressões do ambiente externo como poeira, fuligem, cortes e raios do sol, por exemplo. Por todos esses motivos ir ao dermatologista e cuidar dessa parte do corpo é tão fundamental. Mas a questão é: quando ir ao dermatologista?

Bom, para esclarecer quando ir ao dermatologista e outras dúvidas sobre o assunto, apresento este conteúdo. Confira abaixo as respostas e cuide melhor da sua saúde!

O que faz um dermatologista?

Antes de entender quando ir ao dermatologista, é preciso compreender por que você precisa ir. Afinal de contas, o que faz um dermatologista e como ele pode ajudar a melhorar a sua saúde?

O dermatologista é o médico especialista em cuidados com a pele e atua tanto de forma curativa, realizando o tratamento de alguma patologia, quanto de maneira preventiva. Quando se trata de pele, a prevenção é a melhor opção pois, na maioria das vezes, são problemas que demoram muito tempo para serem resolvidos.

Quando procurar um dermatologista?

Coceira, vermelhidão e descamação

Esses são sinais na pele que mostram que está na hora de você ir ao dermatologista. Muita gente não dá a atenção devida a esses sinais, pois, na maioria das vezes, não interferem muito no dia a dia, pelo menos não no início. O problema é que uma simples coceira, uma área mais vermelha ou descamando podem se agravar, principalmente se houver auto medicação.

É claro que podem ser coisas mais simples como uma picada de mosquito, mas apenas indo ao dermatologista é que você vai saber a causa e começar o tratamento. Manchas vermelhas que coçam também podem indicar dermatites.

Unhas fracas ou com manchas

Mas se ainda há dúvida de quando ir ao dermatologista, há mais motivos pelo qual você deve procurar esse profissional além de problemas na pele. Problemas no cabelo e nas unhas também indicam a necessidade de uma consulta em um dermatologista.

As unhas estão “presas” à pele e são nutridas por ela, portanto, se a pele não está saudável, as suas unhas também não estão. Aliás, a manifestação de algumas manchas nas unhas pode ser o sinal de que algo não está bem com o corpo de uma forma geral.

Os problemas identificados por meio de fraqueza e mancha nas unhas podem representar desde uma simples anemia por uma deficiência nutricional até doenças mais sérias que envolvem o pulmão e o coração.

Queda de cabelo

A queda de cabelo é algo que atinge tanto homens quanto mulheres. Entretanto, os homens são os mais afetados por conta do problema de calvície, que é muito mais comum nesse grupo.

Normalmente, essa queda é por fatores hereditários, mas pode ter outras causas como má alimentação, seborreia e problemas na tireoide, por isso, também se torna mais um indicativo de quando ir ao dermatologista para ter conhecimento do que está influenciando a queda.

Na mulher, além desses fatores, podemos citar também o período da amamentação por conta das alterações hormonais e utilização de produtos químicos no cabelo, como tinturas e alisantes.

Suor excessivo

O suar é algo essencial para qualquer pessoa, afinal de contas, é por meio desse mecanismo que conseguimos regular a temperatura corporal de maneira adequada. Infelizmente, algumas pessoas transpiram de maneira excessiva, algo que causa constrangimento. Essa condição é conhecida por Hiperidrose e para tratá-la é preciso ir ao dermatologista.

Mas ir ao dermatologista não é algo que você deve fazer apenas quando identifica um problema. Vá também de forma preventiva e siga toda as orientações do especialista para evitar manchas na pele, sardas e outros. Isso é essencial, especialmente aqui no Brasil, onde o índice de câncer de pele é alto. Use e abuse do protetor solar e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto.

Compartilhe este post nas suas redes sociais para que seus amigos e familiares também saibam quando ir ao dermatologista!

CTA para uma entrevista com o Dr. Daniel Stellin

Fontes:

Sociedade Brasileira de Dermatologia

Postado por Dr. Daniel Stellin | CRM: 111.635

Dr. Daniel Stellin é um dermatologista graduado pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo e pós-graduado em Fisiologia Hormonal Aplicada. Detém os títulos de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialista em Infectologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual e Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Deixe uma resposta