Fale conosco pelo WhatsApp

Dermatologia Integrada: O que é?

Paciente em consulta com dermatologista - dermatologia integrada

Atividades físicas, alimentação equilibrada e terapias de controle de estresse agem em conjunto para cuidar do paciente como um todo

A dermatologia integrada é uma vertente da dermatologia que tem sido cada vez mais procurada por pacientes que buscam equilibrar o corpo, a mente e, consequentemente, a pele. A dermatologia integrada busca tratar as queixas dos pacientes de forma ampla, considerando fatores emocionais e físicos.

Estilo de vida, ambiente, fisiologia, aspectos mentais, emocionais e genéticos são fundamentais para se traçar um modelo de tratamento eficaz, que visa não só corrigir sintomas do agora, mas também agir de forma assertiva na raiz do problema para evitar que eles voltem a ocorrer.

Na maioria das vezes, questões dermatológicas são apenas a superfície de algo muito mais amplo e profundo, que está acontecendo no organismo todo.

Quase todas as doenças da pele criam ansiedade, preocupação, medo, vergonha, sentimento de rejeição ou outras emoções, e muitas delas têm seu curso agravado por estados de tensão psicológica, além do fato de que outras podem efetivamente ter sido precipitadas por fases de estresse psicossocial.

Resumidamente, podemos dizer que a dermatologia integrada dá atenção aos aspectos físico, mental e emocional do paciente e, para isso, busca utilizar recursos complementares para reduzir o estresse e aumentar a eficiência dos tratamentos.

O que diferencia da dermatologia convencional

O diferencial entre elas está no fato de que, na dermatologia integrada, o dermatologista tem um olhar amplo para as questões apresentadas pelo paciente. A dermatologia integrada é praticada sempre por uma equipe multidisciplinar. São profissionais que atuam em terapias de controle de estresse e relaxamento, além do fisioterapeuta estético e nutricionista.

O importante na dermatologia integrada é trazer qualidade de vida e bem-estar para os pacientes, já que é na pele que se manifestam sintomas de problemas psicológicos ou outros distúrbios.

Um exemplo do papel da dermatologia integrada pode ser visto no tratamento da acne, uma afecção dermatológica muito frequente no dia a dia do dermatologista. Essa condição da pele recebe influências hormonais, alimentares e também do estado emocional. Além dos tratamentos dermatológicos específicos (tanto para as lesões ativas quanto para as cicatriciais), é necessário corrigir as causas de base que estão contribuindo para o seu surgimento. Só assim o tratamento poderá alcançar sucesso.

O mesmo ocorre com outras condições que impactam a pele, como coceiras, irritações e dermatites como psoríase e vitiligo, que notadamente tem seu quadro agravado pelo estresse, que aumenta os níveis do hormônio cortisol circulante no sangue, liberando neuropeptídeos que levam ao desenvolvimento desses problemas.

Tratamentos da dermatologia integrada

Todos os tratamentos realizados no conceito de dermatologia integrada visam ser minimamente invasivos e buscam preservar as características naturais de cada pessoa. Dentre eles, podemos citar:

– Tratamentos rejuvenescedores, como: toxina botulínica, peelings químicos e físicos, luz intensa pulsada, preenchimentos com ácido hialurônico (facial e corporal), microagulhamento, radiofrequência e tratamentos a laser;

– Tratamento de doenças dermatológicas comuns, como acne, eczemas, verrugas, micoses, psoríase, vitiligo, rosácea, dermografismo, urticária, alergia, dermatites diversas, queda de cabelo, molusco contagioso, unhas frágeis entre outras condições.

– Tratamento cirúrgico de pequenas lesões, como cistos, pintas, lipomas e outros pequenos tumores cutâneos.

Acompanhamento médico e mudanças no estilo de vida são essenciais para o bem-estar e a beleza. Uma vida espiritualmente equilibrada, que inclua a prática de esportes, uma alimentação balanceada e o controle do estresse refletirá na melhor qualidade da nossa pele.

O tratamento estético ideal deve focar no ganho de autoestima, melhorando a aparência do paciente, mas sem levar a uma perder de identidade. Esse é o propósito da dermatologia integrada. É no equilíbrio entre corpo e mente que se pode encontrar a solução para diversos problemas dermatológicos. Saiba mais sobre Medicina Integrativa.

Dr. Daniel Stellin | CRM: 111.635

Dr. Daniel Stellin é um dermatologista graduado pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo e pós-graduado em Fisiologia Hormonal Aplicada. Detém os títulos de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialista em Infectologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual e Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.