6 dicas para envelhecer bem e com saúde

Início » 6 dicas para envelhecer bem e com saúde

envelhecer bem

Você tem medo de envelhecer? O avançar da idade é algo que deveria ser encarado de forma positiva, afinal, os anos a mais são sinônimos de maturidade, experiência, longevidade. Boa parte das pessoas não enxerga assim. Na verdade, muita gente vê e trata a velhice como algo assustador.

Há quem diga que envelhecer bem não é para qualquer um, mas tenho uma coisa para te contar: o envelhecimento saudável e feliz está ao alcance de todos, basta adotar certos hábitos que são realmente capazes de aumentar a vitalidade e bem-estar. Quer ser como o vinho, que fica cada vez melhor com o passar dos anos? Continue lendo o artigo e confira 6 dicas para envelhecer bem e com saúde.

1. Mantenha hábitos alimentares saudáveis

A primeira dica para assegurar um bom envelhecimento é se alimentar bem. A alimentação deve ser balanceada e nutritiva, rica em verduras, legumes e frutas. As quantidades de carboidratos, proteínas e gorduras precisam ser adequadas e o consumo de açúcar e sal deve ser reduzido. O excesso de sal aumenta os riscos de hipertensão e complicações cardíacas, enquanto as doses exageradas de açúcar elevam as chances de desenvolver problemas como diabetes e obesidade. Vale destacar que uma dieta rica em sódio, gordura e açúcar pode produzir radicais livres e acelerar o envelhecimento.

2. Evite o estresse no dia a dia

Você sabia que o estresse pode causar transtornos como doenças do coração, insônia e depressão? O estresse provoca num primeiro momento uma condição de elevação do cortisol, hormônio produzido pela adrenal e utilizado em momentos cruciais para o organismo, como uma situação de luta ou fuga por exemplo. Porém, quando cronicamente em excesso pode provocar redução na capacidade da glândula em questão em produzir esse hormônio, levando a um quadro de extrema importância chamado de fadiga adrenal. Segundo pesquisas recentes, o estresse é um problema oxidativo, que pode fazer com que os indivíduos aparentem ter cerca de 10 anos a mais. Sendo assim, quem deseja envelhecer bem deve, portanto, procurar levar a vida de maneira leve e prazerosa, com tempo para descansar e se dedicar a atividades que gosta.  Em meio à rotina agitada, talvez o estresse não possa ser completamente eliminado, mas, com certeza, pode ser gerenciado.

3. Evite a exposição excessiva ao sol para ajudar sua pele a envelhecer bem

As rugas e marcas de expressão estão entre os sinais mais comuns do envelhecimento. Mas engana-se quem pensa que o problema não pode ser prevenido. Uma das formas de evitar a pele enrugada é fugir da exposição excessiva ao sol. A ação nociva dos raios ultravioleta pode trazer sérios danos para a pele, já que intensifica as rugas, provoca manchas e gera a perda de elasticidade e firmeza da cútis. Para impedir que isso ocorra, exponha-se ao sol por períodos curtos, apenas nos horários seguros (antes das 10h e depois das 16h). Além disso, não abra mão do filtro solar.

4. Fuja do tabagismo e do alcoolismo

O alcoolismo e o tabagismo são inimigos do envelhecimento de qualidade. O excesso de álcool está relacionado a doenças como gastrite, cirrose, pancreatite, alterações nos reflexos, miocardiopatia e perda de sensibilidade corporal. Para completar, traz prejuízos estéticos, como o inchaço facial e distensão abdominal. Já o ato de fumar aumenta os riscos de infarto, câncer de pulmão, doenças orais, rugas ao redor da boca, problemas respiratórios, etc.

5. Permaneça ativo

Para envelhecer bem e com saúde, permaneça ativo. Trabalhe até quando puder e reserve um espaço na agenda para a prática de exercícios físicos, sempre respeitando os seus limites. As atividades físicas promovem a sensação de prazer, fortalecem os ossos e musculatura, aumentam a resistência cardiorrespiratória, ajudam no controle do peso, favorecem o ganho de massa magra, entre outros benefícios. Você pode fazer uma caminhada, nadar, andar de bicicleta, fazer yoga, hidroginástica ou qualquer outra modalidade, desde que haja indicação e liberação do médico.  Só não vale ficar parado!

6. Faça consultas e exames periódicos

A medicina preventiva é uma grande aliada para quem quer envelhecer de forma saudável. Por isso, é fundamental passar por consultas regulares e fazer exames periódicos. Com base nos resultados, os médicos podem prescrever medicamentos, cosméticos, suplementos, terapias hormonais e procedimentos dermatológicos  para minimizar os efeitos do envelhecimento nos pacientes.

Quer saber mais sobre envelhecer bem e com saúde? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como fisiologista hormonal e dermatologista em São Paulo.

Postado por Dr. Daniel Stellin | CRM: 111.635

Dr. Daniel Stellin é um dermatologista graduado pela Faculdade de Medicina do ABC-São Paulo e pós-graduado em Fisiologia Hormonal Aplicada. Detém os títulos de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialista em Infectologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual e Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.